livro_manualdoprepostomarcosalencar_banner (1)
Últimas notícias do TST:
Terça, 19 de outubro de 2021

A importância dos exames médicos.

Prezados Leitores,

Cada vez mais há lides envolvendo pedidos de indenização e de reintegração ao emprego sob o prisma do acidente de trabalho, da doença ocupacional, sendo os exames médicos vitais para o esclarecimento desse mal e fixação das responsabilidades.

foto

O exame mais importante é o Atestado de Saúde Ocupacional – ASO. A primeira via desse exame, deve ficar arquivada em pasta própria do empregado, na empresa, à disposição da fiscalização do trabalho e para fins de esclarecimentos futuros. O estado de saúde daquele momento é importante que se tenha registro.

A segunda via do ASO será obrigatoriamente entregue ao trabalhador, mediante recibo na primeira via. Esse exame médico deve ser feito de forma complexa e não apenas uma simples verificação “visual”.

No exame deverá constar os dados que identifiquem o trabalhador, nome completo, RG, CPF, CTPS,  os riscos da sua função ou a ausência deles, na atividade do empregado, conforme instruções técnicas expedidas pela Secretaria de Segurança e Saúde no Trabalho-SSST.

Importante mencionar os procedimentos médicos a que foi submetido o trabalhador, incluindo os exames complementares e a data em que foram realizados. A identificação do médico com respectivo CRM.

Por fim, a definição de apto ou inapto para o trabalho, com assinaturas do médico e do empregado.

O empregador deve guardar esse documento por 20 (vinte) anos após o desligamento do trabalhador.

Sds Marcos Alencar

Compartilhe esta publicação

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email